top of page
Buscar
  • Alfa

Os principais materiais de construção sustentáveis

Atualizado: 26 de jan. de 2022

Ao longo do tempo, também a construção civil tem evoluído no sentido de procurar diferentes materiais de construção, que sejam menos danosos para o meio ambiente, preservando assim as gerações futuras e respeitando a capacidade de recarga dos materiais naturais.


A construção civil só existe graças aos materiais de construção, e a sua utilização depende de inúmeros fatores, como a disponibilidade do material na região, tecnologia e mão de obra presentes.


Até recentemente, os materiais de construção usados eram aqueles que estavam disponíveis, tendo pouca preocupação sobre os riscos que o material poderia apresentar para a saúde das pessoas e para o meio ambiente, não havendo a prioridade na escolha de materiais de construção sustentáveis.


Além do fator ambiental, é importante que fatores culturais e sociais sejam respeitados, para assim alcançar a sustentabilidade completa.

Ao longo do tempo, também a construção civil tem evoluído no sentido de procurar diferentes materiais de construção, que sejam menos danosos para o meio ambiente, preservando assim as gerações futuras e respeitando a capacidade de recarga dos materiais naturais.


Muitas pessoas, até mesmo profissionais, confundem a sustentabilidade dos materiais de construção com a sua origem. Ou seja, um material não se torna sustentável apenas por ser verde ou elaborado por elementos de matéria orgânica. Existem materiais tecnológicos que são igualmente ou até mais sustentáveis, como o caso dos painéis solares, assim como há materiais orgânicos que podem não ser sustentáveis, como madeiras não certificadas.


Além do fator ambiental, é importante que fatores culturais e sociais sejam respeitados, para assim alcançar a sustentabilidade completa. Aqui ficam alguns exemplos de materiais de construção sustentáveis:


Madeira certificada

A Madeira certificada é um material muito sustentável e pode beneficiar de várias formas os projetos de construção. Além de estarmos a falar de material natural, renovável e reciclável, é ainda mais eficiente em termos de retenção de carbono e energia, quando comparados com outros materiais de construção.


Os projetos de construção com madeira certificada têm ainda inúmeras vantagens, como o próprio sistema de certificação que garante que a madeira foi adquirida de forma responsável. Entidades de certificação como a Forest Stewardship Council (FSC) garantem que estes critérios são cumpridos, assim como a regulação das políticas de compras públicas de muitos países para a regulação e sustentabilidade do uso deste material.


Lâmpadas de LED

A energia é uma das grandes inimigas da sustentabilidade, principalmente por ser obtida, em grande parte, pela queima de material fóssil (petróleo ou carvão mineral). Mas já há muitos países a liderarem na indústria energética a partir de forças renováveis, como é o caso de Portugal, que fabrica e utiliza energia a partir da água e do vento. No entanto, também estas alternativas podem não ser totalmente sustentáveis, pois as barragens, por exemplo, podem ter um impacto ambiental e social negativo.


Como o uso de energia alternativa ainda é restrito, sobretudo nos países em desenvolvimento, o uso de lâmpadas de LED contribui para a redução do consumo de energia de forma drástica, sendo por isso um importante material sustentável.


Tijolos ecológicos

Os tijolos ecológicos são feitos a partir de misturas de água e cimento, resíduos de construção ou de areia, entre outras misturas. É um material muito utilizado no Brasil, por exemplo, pela facilidade com pode ser obtido, mas com pouca expressão em Portugal. Ao contrário dos tijolos convencionais, que são fabricados com recurso a um grande consumo energético na cozedura, o tijolo ecológico é fabricado com recurso a uma técnica hidráulica, contribuindo para a sustentabilidade do material de construção.


Painéis solares

Os painéis solares são equipamentos que captam a luz solar para a transformar em energia elétrica. Desta forma, ao ajudarem a reduzir a necessidade do uso da energia não renovável, são um importante material sustentável, que poderá ser instalado em qualquer habitação. Por outro lado, existem ainda as bombas de calor para climatização que, embora funcionem a eletricidade, são de baixo consumo e extremamente relevantes na classificação energética de um edifício.


Materiais biodegradáveis

A substituição de materiais industrializados, que podem ser tóxicos, por materiais naturais biodegradáveis é importante para alcançar a sustentabilidade na construção civil. Estes materiais podem ser aplicados de inúmeras maneiras, substituindo tintas, colas, impermeabilizantes e solventes por acabamentos produzidos a partir de pigmentos naturais, minerais e proteínas.


Numa análise final e mais criteriosa, os materiais de construção sustentáveis não existem só por si e é importante sublinhar que só são verdadeiramente sustentáveis se forem analisados nos seus contextos regionais, onde a obra será implementada, pois só será sustentável se estiver totalmente enquadrada com o ambiente que a rodeia.


Assim, os materiais sustentáveis na construção civil são elementos fundamentais para que uma obra seja mais sustentável e enquadrada com toda a sua envolvência.


Comments


bottom of page